terça-feira, 30 de junho de 2009

As relações humanas na era da internet


Não sendo tanto uma peocupação, mas sim uma curiosidade, comecei a pesquisar na internet referente a relação humana na era da internet. encontrei vários estudos muito bem conduzidos mas um chamou-me mais a atenção, trata-se de um texto de de um psiquiatra que vou transcrever aqui.


"A INTERNET E AS RELAÇÕES HUMANAS

Por mais paradoxal que possa parecer, os contatos via internet: pessoas na frente de uma telinha comunicando-se entre si, sem se conhecerem mutuamente, na maioria das vezes, traz resultados positivos, uma vez que em nosso mundo atual o ritmo alucinante de nossas atividades faz com que nos distanciemos das pessoas: até mesmo as mais queridas! Quais seriam esses resultados positivos, que muitos, ditos conservadores, não conseguem enxergar? Em primeiro lugar, sem com isso querer dizer que é o ponto mais importante, vem-me à mente o efeito catártico (desabafo) a que é submetida a maioria das pessoas que se conectam via internet. Ou seja, devido ao já mencionado ritmo alucinante, ficamos como que travados para novos relacionamentos. E, “protegidos” pela distância, temos a capacidade de perder a inibição e nos mostrarmos enquanto seres humanos carentes de contatos e, predominantemente, em busca de verdadeiras amizades com quem possamos compartilhar nossos pensamentos e sentimentos. Claro que nem sempre os contatos via internet culminarão em amizades duradouras e concretas, no entanto, vivemos num mundo de sonhos e quem não sonha, não vive em sua total plenitude!
Quanto à veracidade das informações obtidas nos chats do monitor do micro, é impressionante como sentimos, talvez por um processo intuitivo, quem está a fim do quê nesses contatos. Acredito que enquanto se “conversa” com alguém, os inconscientes também se “conversam” entre si: via éter, via inconsciente coletivo, e não via internet. Esse contato, inconsciente com inconsciente, vem a ser algo de extrema importância, desde que aceitemos, que estamos, nós seres humanos, todos interligados mentalmente, queiramos ou não. O que precisamos é entrar na faixa vibratória daquele ou daquela que também deseja se comunicar (quase que telepaticamente) conosco. E, obviamente, se estamos trocando energia por meio da internet (energia mental), estamos nos comunicando também “telepaticamente”.
Portanto, concluímos que o uso adequado desse novo instrumental em nosso dia-a-dia tem, predominantemente, efeitos positivos. Efeitos positivos no que diz respeito a ampliar os círculos de amizade, a aumentar os conhecimentos por meio de pesquisas e porque não: ativar partes do cérebro que vinha “adormecida”, uma vez que todo esse novo cabedal de conhecimentos da informática nos chega como grande novidade, vindo portanto a estimular áreas cerebrais que nunca foram antes estimuladas. Enfim, usemos mas não abusemos da informática. Nesse uso, é muito importante que a intuição esteja sempre presente como grande orientadora - e porque não dizer, protetora - de nossas ações.
Dr. Edson F. Nascimento (Psiquiatra/Psicoterapeuta)"


Entendi como positivo o uso do computador, desde que bem usado, para que as pessoas possam expor para fora as suas ansiedades, questões que até pessoalmente não consiga, mas no anonimato virtual possa expressar com maior enfâse e adquirir melhor contemplação. Lí em um outro que antes era normal no início da noites as hora a fio de bate papos via telefone e hoje substituido pelo msn ou chats. O avento vei ajudar, somar para a superação de barreiras as quais nem sempre fáceis mas com instrumentos cabíveis é possível.
Pessoalmente o uso do computador me proporcionou melhor condição pois aprendi muito e aperfeiçoei minhas atividades profissionais. Aprendi aqui como se faz uma página de internet e enquanto desenhista e artefinalista que sempre fui profissionalmente aprendi as técnicas de design gráfico com os programas que proporcionam o manejo. Isso tudo tem sido muito útil para a minha condição de vida.
Quanto a relacionamentos adquiri muitos amigos(as) virtuais principalmente na comunidade do Y!R e são pessoas com quem posso trocar níveis de conhecimentos e informações sobre os mais diversosos assuntos e situações o que contribui para a melhoria de vida intelectual.
Contudo utilizo esse instrumneto chamado blog para comparilhar meus conhecimentos como também atividades que desenvolvo no computador. Defino, aqui se aprende muito, basta estar a fim e procurar investir. Até.

Um comentário:

  1. Oi Donizeti, tudo bem? Sou Giovanna Carvalho da Edelman, agência de comunicação da Symantec. Li seu post e achei que se interessaria por alguns dados da recém-lançada pesquisa Norton Online Living Report. Ao analisar o comportamentos online de pessoas em 12 países, descobrimos que 7 entre 10 adultos em todo o mundo afirmam que a Internet melhorou seus relacionamentos. Além disso, três em quatro pesquisados foram conhecer pessoalmente alguém que encontrou originalmente online.
    Bem bacana, né? Se você tiver interesse em acessar todos os outros resultados me mande um e-mail que eu encaminharei o estudo para você!
    Um abraço
    giovanna.carvalho@edelman.com

    ResponderExcluir