quarta-feira, 7 de abril de 2010

Your Latest Trick



Your Latest Trick Lyrics


Artist(Band):Dire Straits
 

All the late night bargains have been struck
Between the satin beaus and their belles
Prehistoric garbage trucks
Have the city to themselves
Echoes and roars, dinosaurs
They're all doing the monster mash
And most of the taxis, most of the whores
Are only taking calls for cash
I don't know how it happened
It all took place so quick
But all I can do is hand it to you
And your latest trick
Well, now, my door was standing open
Security was laid back and lax
But it was only my heart got a-broken
You must have had a pass key made out of wax
You played robbery with insolence
And I played the blues in twelve bars down on Lover's Lane
And you never did have the intelligence to use
The twelve keys hanging off of my chain
I don't know how it happened
It all took place so quick
But all I can do is hand it to you
And your latest trick
Well, now, it's past last call for alcohol
Past recall has been here and gone
The landlord he finally paid us all
The satin jazzmen have put away their horns
And we're standing outside of this wonderland
Looking so bereaved and so bereft
Like a Bowery bum when he finally understands
The bottle's empty and there's nothing left
I don't know how it happened
It was faster than the eye could flick
But all I can do is hand it to you
And your latest trick

Tradução
 
 
"Seu último truque"




Todas as barganhas da madrugada foram feitas
Entre os galãs do sul e suas mulheres lindas
E os caminhões de lixo pré-históricos
Tem a cidade só para eles
Ecos e rugidos de dinossauros
Todos eles estão fazendo a mistura dos monstros
E a maioria dos táxis, a maioria das prostitutas
Só estão aceitando chamadas em dinheiro
(refrão)
Eu não sei como aconteceu
Tudo foi tão rápido
Tudo que eu posso fazer é entregar isso a você
E seu último truque
Minha porta estava aberta
A segurança foi relaxada
Mas foi só o meu coração que partiu
Você deve ter feito uma chave de cera para entrar
Você brincava de roubar com insolência
Eu tocava um Blues em doze compassos
Lá na Alameda dos Amantes
E você nunca teve a inteligência para usar
As doze chaves penduradas no meu chaveiro
(refrão)
Agora já passou a última chamada para beber álcool
O último bebedor esteve aqui e se foi
O proprietário finalmente nos pagou
Sete notas de US$ 10 nos fizeram dispensar os trompetes
E nós estamos do lado de fora deste paraíso
Parecendo tão desolados e infelizes
Como um mendigo do Bowery quando ele finalmente entende
Que a garrafa está vazia e não sobrou nada
Eu não sei como aconteceu
Foi mais rápido que um piscar de olhos
E tudo o que posso fazer é entregar isso a você
E a seu último truque

Nenhum comentário:

Postar um comentário