quinta-feira, 15 de julho de 2010

Congresso dos EUA aprova reforma de Wall St


O Congresso norte-americano aprovou nesta quinta-feira a mais ampla reforma da regulação financeira desde a Grande Depressão, que segue agora para sanção do presidente Barack Obama.
Por 60 votos a 39, o Senado deu luz verde à reforma que aperta a regulação na indústria financeira, num esforço para evitar a repetição da crise de 2007-2009.
Segundo a Casa Branca, Obama deve sancionar a lei na próxima semana.
O projeto, que teve oposição da indústria bancária, deixa poucas áreas da indústria financeira sem mudanças. Estabelece novas proteções ao consumidor, dá aos reguladores mais poder para desmontar companhias com problemas e limita uma série de atividades de risco.

Fonte: Reuters

Nenhum comentário:

Postar um comentário