terça-feira, 7 de setembro de 2010

Lula vai analisar compra de caças após eleições, diz Jobim


O ministro da Defesa, Nelson Jobim, afirmou nesta terça-feira que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva vai avaliar após as eleições a aquisição de caças para a renovação da frota da Força Aérea Brasileira (FAB).
"O presidente deseja fazer a decisão ainda este ano", disse Jobim durante o desfile de 7 de Setembro em Brasília.
"Depois das eleições, o presidente vai analisar o assunto", acrescentou. O primeiro turno das eleições ocorre em 3 de outubro, e o segundo, dia 31 do mesmo mês.
No ano passado, o Brasil abriu licitação para a compra de 36 aviões de combate num acordo que pode superar os 4 bilhões de dólares.
Fazem parte da concorrência o caça francês Rafale, da Dassault, o sueco Gripen NG, da Saab, e o F-18, fabricado pela Boeing.
No dia 7 de setembro de 2009, durante visita ao país do presidente francês, Nicolas Sarkozy, Brasil e França anunciaram que haviam entrado em fase final de negociações para a compra brasileira de 36 caças de combate Rafale.
Lula chegou a dizer que as conversas com a França estavam bastante avançadas e que a decisão seria política.
Porém, dias depois Jobim afirmou que a escolha seria técnica e que o ministério da Defesa não descartava adiar os prazos de entrega das propostas e análises das ofertas.

Reuters

Nenhum comentário:

Postar um comentário