sábado, 8 de janeiro de 2011

Passaporte diplomático


O jornal “O Estado de São Paulo” diz hoje que “a regra para emissão de passaportes diplomáticos tem sido usada pelos deputados e parentes para conhecer o mundo e literalmente fazer turismo”. Pelo menos 2 terços desses passaportes solicitados pela Câmara dos Deputados ao Itamaraty, entre fevereiro de 2009 e este começo de ano, foram para mulheres, maridos e filhos dos parlamentares. Desde 2009, a Segunda Secretaria da Câmara solicitou 662 vistos para viagens de deputados e parentes que têm o documento especial. Desses, 577 foram para "turismo", segundo o jornal. O Senado informou que requereu ao Itamaraty nos últimos 2 anos a emissão de "70 a 80" passaportes especiais. O total de documentos diplomáticos solicitados pelo Senado anualmente ou nos últimos 8 anos é mantido em sigilo.

E só agora viram isso porque os passaportes dos filhos de Lula foram renovados. Isso caracteriza muito jogos de interesses.

Nenhum comentário:

Postar um comentário