sábado, 12 de fevereiro de 2011

Viva o Egito

No dia seguinte à renúncia do presidente Hosni Mubarak, milhares de egípcios continuam celebrando após uma longa noite de euforia durante a qual as frases mais ouvidas foram "liberdade" e "viva o Egito".


Na praça Tahrir, ponto principal de concentração dos protestos iniciados em 25 de janeiro, centenas de pessoas continuam acampadas neste sábado. O Exército egípcio começou a retirar as barricadas dos acessos à praça, removendo carros queimados que serviam de barreiras. As Forças Armadas mantêm tanques e veículos blindados nas ruas, principalmente em frente aos prédios do governo e de outras instalações importantes.

No primeiro dia sem Mubarak depois das três décadas que o líder ficou no poder, vários egípcios agitaram a bandeira do país e não ocultaram a felicidade e a esperança pelo começo de uma nova era.
O acampamento montado no centro da praça, na qual pernoitam várias pessoas há duas semanas, ainda não tinha sido levantado no começo da manhã deste sábado. A intenção é retirar as tendas hoje, mas muitos preferem aguardar para ouvir o próximo comunicado das Forças Armadas, segundo relatos obtidos pela agência de notícias Efe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário