segunda-feira, 25 de julho de 2011

A causa da morte de Amy Winehouse vai continuar sendo um mistério, pelo menos durante as próximas semanas.



A causa da morte de Amy Winehouse vai continuar sendo um mistério, pelo menos durante as próximas semanas.
A autópsia no corpo da cantora foi realizada nesta segunda-feira (25), mas a causa da morte não foi oficialmente declarada, em detrimento do resultado do exame, considerado "inconclusivo" pelos legistas, segundo informou a Polícia Metropolitana Britânica.
A médica legista que examinou o corpo de Amy abriu um inquérito para a morte inexplicada, deixando os pais da cantora livres para planejarem seu funeral. "Estou formalmente abrindo um inquérito e liberando o corpo para que a família da senhorita Winehouse possa preparar o funeral", informou Suzanne Greenaway.
Na Grã-Bretanha, sempre que alguém morre violentamente ou em circunstâncias inexplicáveis é aberto inquérito. "O inquérito deve ser retomado em 26 de outubro", disse a médica legista Suzanne Greenaway.
Nesta segunda-feira (25), os pais de Amy foram até a casa onde a filha estava morando, em Camdem Square, norte de Londres, compartilhar da dor dos fãs, que se reúnem para deixar flores, cartas, mensagens, em reverência ao talento da maior e mais influente artista musical da última década.
O pai de Amy, Mitch Winehouse, um ex-motorista de táxi que, após o sucesso da filha, se dedicou à carreira de cantor, voltou de Nova York onde se apresentava depois de ficar sabendo da morte de Amy no sábado (23), e não conseguia falar de tanta emoção, sendo consolado pelos admiradores da cantora. Já a mãe, Janis Winehouse, chorou muito enquanto observava os presentes deixados para sua filha, os quais filmou com o celular.
"Obrigado por terem vindo. Isso significa muito para nossa família", afirmou Mitsche, com a voz soluçante. "A presença de vocês faz com que tudo seja mais suportável para nós". "Estamos desconsolados e não sei o que dizer".
Amy Winehouse era muito ligada ao pai, um admirador de jazz e blues que lhe transmitiu seu amor pela música.
Em comunicado divulgado hoje, a médica Sharon Duff disse que o local em que Amy foi encontrada foi examinado e que não havia nada de suspeito.
O enterro do corpo de Amy Winehouse está previsto para ser realizado nesta terça-feira (26).


Fonte:  http://hugo-freitas.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário